Serendipity®

Certa vez assistindo a um filme, O acaso do amor, que aliás recomendo muito, tive o primeiro contato com esta palavra: Serendipity®.

Comecei então a pesquisa-la e descobri que é uma palavra muito utilizada nos Estados Unidos que significa um acidente feliz.

Isso me fez refletir muito. Como pode existir um acidente feliz? Será que existe destino? Será que existe sorte? O que é o acaso?

Continuei pesquisando e me deparei com uma frase Louis Pasteur que diz o seguinte: “O acaso apenas favorece as mentes preparadas.”

Bom, vamos lá. Você já deve ter escutado também que quanto mais se treina mais sorte se tem, ou quanto mais se trabalha, mais sorte se tem. Pois é, a sorte ou azar, somos nós que fazemos.

Nunca gosto de atribuir qualquer êxito ou todo fracasso ao além, quem o faz somos nós. Tudo que fazemos de bom se reverte a nós por conta do ciclo de energias positivas que criamos e tudo que fazemos de mal, também se reverte à nós por conto do mesmo ciclo, porém de energias negativas. Nossas atitudes são as criadoras das oportunidades ou desafios que temos. O além presente em minhas crenças da minha maneira de ver, apenas ajuda, dá um empurrão.

Gosto das atitudes ativas nas quais nós somos os que têm o domínio de nossas vidas. Temos o domínio de nossas vidas, especialmente de nossas atitudes, mas não de todos os fatos. Há coisas que temos controle outras que não temos controle, sendo assim, devemos utilizar as que temos controle para gerar coisas não controláveis positivas e não negativas.

Ora, como então fazemos para que o acaso nos favoreça? Como podemos criar nossa própria sorte? Será que podemos?

Podemos. Podemos cuidar de alguns aspectos importantes aliados à algumas atitudes também fundamentais. Quero compartilhar com você sobre três pilares que identifiquei que são geradores de oportunidades, sejam pessoais, profissionais ou de qualquer natureza:

Primeiro de tudo, pense bastante no que quer. Falo muito em minhas palestras sobre planejamento de vida que, assim como nas empresas, devemos definir nosso propósito, identificar e selecionar nossos valores e criar nossa visão de futuro por meio de metas, objetivos e sonhos. Uma vez identificadas suas metas, você poderá utilizar este formato para gerar sua própria sorte e então favorecer o acaso em sua vida.

Lugares Certos: Pense no que quer e quais os lugares mais oportunos para você estar para se deparar com pessoas que poderão gerar oportunidades. Por exemplo, se você quer oferecer uma oportunidade de negócios à alguém é muito mais oportuno frequentar lugares nos quais pessoas empreendedoras estão como por exemplo eventos e cursos de empreendedorismo ou de atitudes positivas, associações específicas ao meio que você atua, etc…

Apesar de muito bonito, isto não é uma regra. Obviamente que existem pessoas de todos os tipos em todos os lados em algum momento logo, se você estiver ao lado de pessoas certas com a atitude certa o lugar pode não ser totalmente relevante, mas ajuda muito.

Pessoas Certas: Já ouviu a máxima: Diga-me com quem andas e te direi quem és? Então esta é uma das muitas verdades da vida. Escolha sempre com muita sabedoria as pessoas que estão ao seu lado. Há muitos livros que dizem que você deve ter sempre pessoas melhores que você ao seu lado, muitas vezes tratando mais no âmbito profissional e até financeiro. Eu não creio 100% nisso, mas sim que devemos ter claros nossos valores e escolher pessoas as pessoas que estão ao nosso lado pelos valores e atitudes e não pelo sucesso ou condição financeira. Para mim as semelhanças atraem e as diferenças somam.

Atitudes Certas: Fique sempre atento às suas atitudes, policie-se. Pense em quais atitudes que você deve ter para estar aberto às oportunidades. “A virtude está no meio termos” de Aristóteles diz tudo sobre isso. Entre Fechado ou atirado, há um meio termo que permite que as energias fluam e que se gere o ambiente fértil para a oportunidade.

Como observador nato que sou, tenho percebido que estes três pilares ajudam muito para que tenhamos aqueles momentos Serendipity®. Você já deve ter vivenciado um certamente e em geral ocorre sem nos darmos conta de que nós de alguma maneira indireta permitimos que isso ocorresse. Também estes acidentes felizes ocorrem justamente quando deixamos de perseguir algo, deixamos nossa atitude melhorar, porém ainda queremos e passamos a ser quem realmente somos.

A minha proposta é que possamos estruturar nossas vidas para que assumamos o controle do nosso destino e isso é muito possível.

Desenvolvemos uma palestra chamada Serendipity® que realizamos em empresas, organizações e grupos em geral. Mais informações discutindoafelicidade@gmail.com

Seja sempre muito feliz e com muitos momentos Serendipity em sua jornada! 🙂

Mauricio Patrocinio, Mentor da Felicidade®, é Gestor, Consultor, Palestrante e autor do Discutindo a Felicidade, presente nas mídias sociais (Facebook, Youtube, Instagram), seu primeiro livro de uma série que será lançado no segundo semestre deste ano.

Contato:

discutindoafeliciade@gmail.com

www.discutindoafelicidade.com.br

Instagram @discutindoafelicidade

facebook.com/discutindoafelicidade

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *